Modalidades de atendimento

Psicoterapia individual

É indicada para todas as faixas etárias e demandas emocionais. As sessões ocorrem semanalmente e têm duração aproximada de 50 minutos. No primeiro atendimento são definidos os horários de atendimento e o valor das sessões. 
 

A terapia cognitivo-comportamental auxilia as pessoas a reconhecerem sua forma de pensar, agir e sentir diante das situações da vida. A terapia proporciona um ambiente seguro e acolhedor, em que o objetivo principal é auxiliar as pessoas a superarem suas dificuldades emocionais. 

 

Terapeuta e paciente realizam um trabalho em equipe que visa desenvolver habilidades duradouras para lidar com os problemas e desafios cotidianos. 

Avaliação psicológica para cirurgia bariátrica

O serviço de avaliação psicológica é destinado a pacientes que pretendam se submeter à cirurgia bariátrica. Esse processo envolve sessões de atendimento em que se realizam orientações sobre a cirurgia, psicoeducação sobre o comportamento alimentar, avaliação de sintomatologia ansiosa e depressiva, avaliação de características de personalidade e entrevista com a rede de apoio do paciente. 

Por determinação do Conselho Federal de Medicina, a avaliação psicológica é um procedimento indispensável para todo o candidato à cirurgia bariátrica.

Treinamento de pais

Na Terapia Cognitivo-Comportamental o Treinamento de Pais na infância e adolescência diz respeito a um programa  que consiste em psicoeducar e orientar aos pais a respeito do que modela o comportamento das crianças e influencia a chance de determinado comportamento repetir-se.

 

No programa, pais são instrumentalizados para o aprendizado e o uso de técnicas e estratégias, como por exemplo, a atenção diferenciada, sistemas de remuneração e de restrições de remuneração, como também planejamento de situações de potencial conforto. Essas e muito mais técnicas são aliadas no manejo de situações específicas, favorecendo a aprendizagem de comportamentos mais adaptativos.

 

De modo geral, os programas de TP vêm demonstrando eficácia no manejo de situações específicas, como comportamentos disfuncionais (birras, intransigência, comportamento opositor), e propiciam um melhor desenvolvimento de habilidades sociais em crianças com dificuldades de relacionamento interpessoal e problemas comportamentais. Pode-se afirmar que a família toda ganha, visto que se reorganiza um modo de convivência capaz de tornar o ambiente familiar mais harmônico e saudável.

Reeducação do comportamento alimentar

Esse atendimento é destinado a pessoas com dificuldades em seu comportamento alimentar, transtornos alimentares, sobrepeso e obesidade. A reeducação é realizada em nível psicológico, visando alterar a relação da pessoa com sua alimentação, desenvolver novas formas de pensar sobre o alimento, reconhecer pensamentos e comportamentos sabotadores em relação à alimentação e adotar uma atitude mais saudável a respeito da comida.

 

Através da reeducação do comportamento alimentar, é possível diminuir a sintomatologia de transtornos alimentares e alcançar alterações no peso corporal.

Dessensibilização alimentar

Este tratamento é destinado a pessoas, especialmente crianças e adolescentes, com Transtorno Alimentar Restritivo/Evitativo (TARE) ou neofobia alimentar.

 

A neofobia alimentar refere-se a uma dificuldade em manter uma alimentação variada, consistindo em uma perturbação do comportamento alimentar em que a pessoa apresenta extrema seletividade em relação aos alimentos consumidos. Pessoas com este distúrbio alimentar podem apresentar uma sensibilidade extrema às características sensoriais dos alimentos (gosto, cheiro, aparência, textura, etc).

Através da dessensibilização alimentar, é possível modificar a relação da pessoa com a comida, desenvolvendo um comportamento alimentar adequado, saudável e variado, sem medo de experimentar novos alimentos e inclui-los no repertório alimentar cotidiano.

O tratamento envolve o entendimento da relação da pessoa com os alimentos, desde o início do aparecimento da perturbação alimentar, além de aspectos práticos, como visitas ao supermercado, degustação de alimentos, exposição a alimentos temidos, entre outras estratégias.

Assistência psicológica para gestantes e puérperas

A gestação traz consigo uma série de transformações não apenas fisiológicas, mas também psicológicas e emocionais. O suporte psicológico durante essa fase da vida auxilia a gestante a vivenciar as mudanças em seu corpo e mente de forma saudável, preparando-a, também, para o pós-parto e o desenvolvimento de uma relação segura e e afetuosa com o bebê. 

Os atendimentos a gestantes e puérperas incluem orientações sobre a gestação, o parto, aleitamento, cuidados iniciais com o bebê, hábitos de sono e rotinas do bebê, cuidados com a mãe, entre outras.

Programa de intervenção para mulheres/casais que desejam engravidar

Quando um casal ou uma mulher decide que quer ter um filho, inúmeras expectativas
e sentimentos vêm à tona, os quais podem gerar muita angústia quando a gravidez
não acontece de imediato. Quando a gravidez não acontece no tempo planejado,
começam a emergir angústias a respeito de sua saúde, fertilidade e sobre sua própria
capacidade de gerar um filho. Engravidar é um processo e depende não apenas da
saúde fisiológica, mas também da saúde emocional do casal.


Com o propósito de auxiliar casais nesse processo, desenvolvemos um programa de
intervenção cujo objetivo é fornecer um espaço de escuta acolhedora e empática, com informações e
orientações de modo a ajudar mulheres e casais que desejam engravidar a vivenciar a
fase das tentativas com o devido suporte psicológico, aprendendo a lidar com as
expectativas, desafios e emoções próprios desse momento de forma mais leve.

Please reload

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • Google+ Social Icon

© CTC | 2019

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now